Mais 52 detentos do presídio de Buritis testam positivo e o total de presos infectados chega a 79

Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública informou que os presos estão sendo acompanhados e contam com toda a assistência necessária. Município divulgou a primeira morte por Covid-19 nesta quinta (23).

A prefeitura de Buritis (MG) confirmou nesta quinta-feira (23) que mais 52 detentos do presídio testaram positivo para Covid-19. O número total de presos infectados chega a 79. Há ainda um policial penal com a doença.

Segundo o município, os novos casos foram confirmados na testagem em massa de internos e de servidores. A medida foi tomada após 27 detentos serem diagnosticado com coronavírus, como noticiou o G1 no dia 16 deste mês.

Em nota, a Secretaria de Estado de Segurança Pública informou que os presos estão sendo acompanhados e contam com toda a assistência necessária.

“Eles [detentos] encontram-se isolados, cumprindo período de quarentena dentro da unidade prisional, acompanhados pelas equipes de saúde da unidade”, diz a nota da Sejusp.

“Grande parte dos detentos apresenta sintomas leves, outros já estão na fase final da quarentena e ainda há detentos que permanecem assintomáticos”, fala Paulo Henrique Pereira, diretor regional de administração prisional da 16ª Região Integrada de Segurança Pública.

O diretor destaca também que os detentos estão isolados em alas conforme o quadro de saúde e que os ambientes foram desinfectados. Além disso, como forma de prevenção, os presos e os servidores estão usando máscaras.

De acordo com a Secretaria de Saúde, o município ainda aguarda o resultado de mais exames feitos nos internos do presídio.

Primeira morte

O boletim epidemiológico da prefeitura aponta que Buritis tem 123 casos confirmados da Covid-19. A primeira morte relacionada à doença foi divulgada pelo município nesta quinta.

Segundo a Secretaria de Saúde, trata-se de uma idosa, de 79 anos, que deu entrada em uma unidade de saúde em 12 de julho. A mulher já apresentava um quadro grave e faleceu no mesmo dia.

A confirmação da morte foi através do teste rápido sorológico, de acordo com a secretaria. A prefeitura informou que outra morte segue sendo investigada.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: