fbpx

Em Nova Serrana Operação da Polícia Civil prende um traficante e o suspeito do homicídio do Sr.João Broa em João Pinheiro

PCMG prende suspeito de homicídio, descobre tráfico, prende traficante e apreende 1500 pedras de crack, cocaína e grande quantidade em dinheiro

A Polícia Civil de Minas Gerais (PCMG) em um trabalho conjunto entre as delegacias de Nova Serrana e de João Pinheiro, realizaram, nesta terça-feira (28), mais uma importante ação no combate aos crimes de homicídio e de tráfico de drogas. A operação foi deflagrada em Nova Serrana, região Centro Oeste do Estado.

Em cumprimento a dois mandados de prisão de suspeitos de homicídio, num local conhecido como “invasão”, no bairro Romeu Duarte, em Nova Serrana, as equipes de investigadores se deslocaram até o endereço citado, localizando e prendendo um dos alvos, de 24 anos, sendo que o segundo não foi encontrado. Porém, durante o cumprimento do mandado, as equipes receberam informações acerca de indivíduos que já vinham sendo investigados e monitorados pela equipe de tóxicos da Delegacia de Nova Serrana, e que eles estariam em um local conhecido como ‘Fazenda Taquaral – Baias Rossine’, tido como um ponto de armazenamento de drogas e armas.

Chegando ao endereço, os policiais realizaram o cerco e, ao perceber a presença da polícia, o suspeito, de 19 anos, tentou evadir, mas foi alcançado e preso pelos policiais. Com autorização dos pais do suspeito, também moradores da fazenda, e na presença do advogado da família, os investigadores realizaram um pente-fino na propriedade, localizando vasto material ilícito: 01 arma de fogo calibre 22; 07 munições intactas; 1.500 pedras de crack; 20 papelotes de cocaína; 01 bucha de maconha; R$ 4.360,00 em espécie; 02 aparelhos celulares; além de material para ‘dolagem’ da droga.

Com o flagrante, o suspeito, de 19 anos, recebeu voz de prisão pelo crime de tráfico ilícito de drogas, e seu pai, de 41, pela posse ilegal de arma de fogo. Ambos foram conduzidos para a Delegacia Regional de Nova Serrana. O pai foi solto sob fiança, e responderá em liberdade. Já o filho, suspeito de tráfico, teve o flagrante ratificado e foi conduzido ao Sistema Prisional, juntamente com o autor de homicídio preso em função do mandado de prisão.

Equipes:

Nova Serrana (Investigadores da Equipe de Tóxicos): Ana Carolina Ramos de Oliveira, Bruno de Sousa Ventura e Vinícius Celem Grejial, coordenada pelo Delegado Davidson Marcos dos Santos Lara;

João Pinheiro (Investigadores): Bruno Rabelo Rodrigues, Marcos Alan de Oliveira Santos e Jonathan Henrique Ferreira Costa, coordenados pelo Delegado Leandro Oliveira Silva.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: