fbpx

Atenção, motoristas! Animais na pista podem comprometer a segurança

Mesmo com a fiscalização de concessionárias, policiamento rodoviário e leis municipais ainda é comum se deparar com cachorros, cavalos, bois entre outros, ao longo das estradas do Noroeste Mineiro.

Não é raro viajar pelas estradas brasileiras e observar animais se alimentando da vegetação que margeia a pista ou ainda vagando de um lado para o outro, situação que coloca em risco a segurança dos usuários, e pode provocar acidentes (sinistros) com gravidades. Os mais comuns são os atropelamentos, seguidos pelas colisões traseiras, quando o condutor para bruscamente para não atropelar o animal, e também os capotamentos, decorrentes de mudança também brusca de faixa.

Em João Pinheiro é constante a presença dos animais nas rodovias, recentemente um registro foi feito pelo jornalista Welington Ney, na BR-040 por volta das 00h, em uma localização que a pouco tempo um cavalo foi atropelado. O local fica em frente ao batalhão do Corpo de Bombeiros.

Vários animais tem sido flagrados na BR-040, principalmente na localidade narrada acima e também na altura do antigo Magalhães, na BR-040.

Cuidados especiais

Conforme orientações da PRF, os donos de animais devem tomar todas as precauções para evitar eventuais fugas, em especial nas imediações de rodovias, onde há risco de sinistros graves, algumas vezes com mortes.

Os animais devem, segundo a PRF, ficar em constante vigilância e dentro de áreas cercadas ou delimitadas por obstáculos físicos, a fim de impedir a invasão desses animais nas estradas. Em caso de emergência em rodovias federais, ligue 191.

Mais informações no programa “Impacto Notícias”, a partir das 11Hrs. Acompanhe pelo link https://sputnikvozdopovo.com.br/sertafm e também pela SertaFM 101,5.

Gostou do nosso portal de notícias?

Então siga o canal do YouTubereceba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Noroeste Mineiro, clique em NOTÍCIAS Siga o jornalista Jeferson Sputnik no TwitterInstagram e Facebook.  Envie informações à redação do portal por e-mail: [email protected].

O conteúdo do Sputnik Voz do Povo é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: