fbpx

Alarme de barragem dispara e assusta moradores do Morro Agudo em Paracatu

Paracatu, mais uma vez registra disparo de sirenes de emergência em área de barragens, desta vez da empresa Nexa, provocando panico nos moradores do Morro Agudo.

O Ten. Igor Costa, comandante do 2º Batalhão do Corpo de Bombeiros Militar de Paracatu, gravou um video e enviou para a imprensa, e explicou como foi o atendimento após o disparo de sirene na areá de responsabilidade da Nexa. O disparo das sirenes aconteceu na noite dessa última quinta-feira (30) por volta das 19h30.

De acordo com o Ten. Igor, os militares juntamente com a defesa civil foi até o local de acionamento, após serem acionados pelos moradores do Morro Agudo. O Militar contou que devido ao alarme de emergência os moradores correram para o ponto de fuga como combinado em caso de emergência.

O Militar, falou que esteve nas barragens e verificou as estruturas e não foi identificado nenhum tipo de rachadura nem deslocamento de massa que apresentasse algum risco de rompimento.

Foi verificado no centro de monitoramento das barragens, os medidores e de acordo com o militar estavam todos dentro dos paramentos normais. A empresa explicou ao Tenente que o acionamento não intencional das sirenes de emergência da barragem 3, localizada na unidade de Morro Agudo foi uma falha de dispositivo, mas que esta sendo investigado. A defesa civil de Paracatu também está averiguando as causas.


Mais informações no programa “Impacto Notícias”, a partir das 11Hrs. Acompanhe pelo link https://sputnikvozdopovo.com.br/sertafm e também pela SertaFM 101,5.

Gostou do nosso portal de notícias?

Então siga o canal do YouTubereceba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Noroeste Mineiro, clique em NOTÍCIAS Siga o jornalista Jeferson Sputnik no TwitterInstagram e Facebook.  Envie informações à redação do portal por e-mail: [email protected].

O conteúdo do Sputnik Voz do Povo é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: