fbpx

PM flagra venda de drogas no bairro Esplanada e conduz três homens para a delegacia

Em João Pinheiro, no dia 24Mai22, por volta das 20h53min, os policiais militares receberam informações relatando que um homem de 39 anos, vulgo “Timão”, estaria praticando tráfico ilícito de drogas na Rua Capitão Sancho, Bairro Esplanada.

De posse das informações, os militares passaram a monitorar o local, verificando que um usuário de drogas de 23 anos, esteve no local e saiu rapidamente, sendo abordado em seguida e localizado em seu poder 2 buchas de maconha embaladas e prontas para o comércio.

O autor confessou que adquiriu as duas buchas de maconha no local denunciado e pagou a quantia de dez reais por cada bucha. Um outro usuário de 24 anos, também esteve no local, em seguida saiu e foi abordado, sendo localizado em seu poder um cigarro e uma bucha de maconha.

Os militares foram até a residência do suspeito denunciado, onde foram localizados 02 tabletes de maconha embalados para o comercio, 01 tubo plástico utilizado para embalagem da droga, uma embalagem com saquinhos utilizados para embalagem da droga, semelhante à embalagem das drogas apreendidas com os usuários, e dinheiro em espécie.

O autor já é bastante conhecido no meio policial pela pratica de crimes, dentre elas, o tráfico ilícito de drogas. Ele e os usuários foram apresentados na Delegacia de Polícia Civil, juntamente com materiais apreendidos.

Mais informações no programa “Impacto Notícias”, a partir das 11Hrs. Acompanhe pelo link https://sputnikvozdopovo.com.br/sertafm e também pela SertaFM 101,5.

Gostou do nosso portal de notícias?

Então siga o canal do YouTubereceba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Noroeste Mineiro, clique em NOTÍCIAS Siga o jornalista Jeferson Sputnik no TwitterInstagram e Facebook.  Envie informações à redação do portal por e-mail: [email protected].

O conteúdo do Sputnik Voz do Povo é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: