fbpx

Vídeo — Delegado regional da Polícia Civil fala sobre o caso da criança encontrada morta em Brasilândia de Minas

O Delegado Regional da polícia Civil de Minas Gerias, Douglas Magela, falou sobre a situação que a criança foi encontrada morta e disse que é necessário aguarda a Necrópsia para saber a causa da morte e se a mãe teve ou não envolvimento com a morte da criança e tentado contra a própria vida em seguida.

O Delegado falou também que os cuidados da família com a criança não apresentavam nenhum tipo de vulnerabilidade pelo ambiente em que ela vivia e que aparentemente era muito bem cuidada pela mãe. “Qualquer julgamento neste momento é precipitado”. Disse ele.

Na internet pessoas que dizem conhecer a família afirmam que a mãe jamais tentaria contra a vida da filha.

Assista na íntegra as informações passadas ao Sputnik Voz do Povo, pelo delegado Douglas Magela…

Relembre o caso, conforme registrado pela polícia Militar…

De acordo com a polícia Militar em ocorrência registrada na manhã desta quinta-feira, 27 de janeiro de 2022, em Brasilândia de Minas, eles foram acionados via 190, para atender uma chamada, sobre uma suposta situação de homicídio seguida de tentativa de suicídio.

Acionados os militares se deslocaram para o local apontado, juntos de uma ambulância do Pronto Atendimento de Brasilândia de Minas. No local a equipe de socorristas e os militares, fizeram contato com um homem, que estava tentando socorrer a esposa a senhora M.A.M que apresentava sinais de envenenamento.

Os militares e os socorristas foram até o quarto de uma criança identificada como DAFNE MORAIS DE ALMEIDA, de 02 anos, onde foi encontrada já sem vida.

De acordo com o B.O Boletim de Ocorrência, a suspeita que a mãe tenha matado a criança e tentado suicido logo em seguida ingerindo vários tipos de medicamentos.

A PM fez o isolamento do local e a mãe da criança foi socorrida até o pronto-socorro, onde deu entrada em estado grave e foi solicitado a transferência para Patos de Minas.

Os militares em conversa com uma testemunha, ela contou aos militares que a mãe da criança estava sofrendo de depressão, e que a criança tinha necessidades especiais.

De acordo com as testemunhas a mãe dizia não estar mais aguentando a situação, que supostamente seria devido à situação da criança.

O pai da criança que de acordo com o B.O estava trabalhando, no momento do acontecido disse que chegou na residência por volta das 08h e que a porta do quarto estava fechada e que foi necessário quebrar a janela do quarto, momento que encontrou a filha morta e a esposa ainda respirando.

O disse a PM que acredita que a esposa tenha matado a filha e tentado contra a própria vida devido à depressão que ele sofre.

No local os Militares encontraram remédios sobre a cama no chão e em uma estante no quarto.

A vítima estava deitada em uma cama de casal, com uma pequena secreção no nariz e ao lado dela um colchão que estava molhado, aparentemente de Urina.

No local foi encontrado um estetoscópio, que o pai acredita que a mãe tenha utilizado para verificar os batimentos da criança. A polícia Civil investiga o caso.

O Sputnik Voz do Povo, deixa aqui os mais sinceros sentimentos a família. Todas as informações aqui apresentadas estão registradas no Boletim de Ocorrência registrado pela Polícia Militar de Minas Gerais.

Mais informações no programa “Impacto Notícias”, a partir das 11Hrs. Acompanhe pelo link https://sputnikvozdopovo.com.br/sertafm e também pela SertaFM 101,5.

Gostou do nosso portal de notícias?

Então siga o canal do YouTubereceba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Noroeste Mineiro, clique em NOTÍCIAS Siga o jornalista Jeferson Sputnik no TwitterInstagram e Facebook.  Envie informações à redação do portal por e-mail: [email protected].

O conteúdo do Sputnik Voz do Povo é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: