fbpx

Mãe de Aluna acusa professor de ter relacionamento com a filha de 15 anos em João Pinheiro

O caso foi registrado como outras denuncia reclamações solicitações defesa social

A Policia Militar (PM), foi solicitada a comparecer a escola “Estadual Quintino Vargas”, na cidade de João Pinheiro, solicitada pela direção da escola, onde se encontrava a mãe de uma aluna de aproximadamente de (15) anos, que relatou a alteridade policial, que um professor da escola estaria tendo um relacionamento com sua filha menor.

A mãe da adolescente relatou que a jovem foi deixada na porta da escola na manhã do dia (2), última sexta-feira, pelo padrasto, e que logo em seguida a filha teria saído escondido da escola, se encontrado com o professor que a aguardava com seu carro, a adolescente então entrou no veículo e de acordo com a mãe da garota ela foi com o professor para a casa dele em João Pinheiro.

A mãe relatou a polícia militar, que outrora o professor teria feito um convite para que sua filha viajasse com ele até a cidade de Vazante-MG, cidade vizinha a João Pinheiro-MG. A viagem seria para que a jovem participasse de uma competição de Handebol, a família se posicionou contraria a viagem, não permitindo que a adolescente participasse do tal evento.

No boletim de ocorrência (BO), consta que a adolescente relatou que o professor fazia elogios a ela e pedia a jovem para ficar com ele.

A jovem acompanhada da mãe e de duas conselheiras tutelares de João Pinheiro, foi encaminhada para o hospital municipal de João Pinheiro, para que exames médicos e laboratoriais fosse feitos na adolescente. A polícia militar (PM), foi até a residência do professor, porem o mesmo não foi localizado.

Comentários

%d blogueiros gostam disto: