fbpx

Assassino de Andreia é condenado a 14 anos de reclusão em regime fechado

Andreia Ribeiro, de 17 anos, foi assassinada no ano de 2015, na época, o autor, José Carlos Pereira de Souza, de 52 anos, vulgo “Cowboy” levou a jovem para a zona rural de João Pinheiro, a matando com uma pancada na cabeça. O corpo foi encontra dias depois já em estado avançado de decomposição.

O homem foi preso no estado da Bahia, no dia 26/09/2019, após investigações da policia Civil de João Pinheiro.

Levando a julgamento ele foi condenado a (14) anos de reclusão em regime fechado, pela prática do crime de homicídio consumado qualificado por recurso que dificultou a defesa da vítima e em razão da condição de sexo feminino, envolvendo violência doméstica e familiar contra mulher – Art 121, §2º, inciso IV e VI, 2§º – A, I, c/c art 14, inc I, todos do Código Penal

Comentários

%d blogueiros gostam disto: