fbpx

Fernanda Montenegro, Anitta e Dilma; pesquisa mostra mulheres mais admiradas no Brasil

Fernanda Montenegro, Anitta e Dilma estão entre as cinco mulheres mais admiradas do Brasil

atriz Fernanda Montenegro foi eleita a mulher mais admirada do Brasil. A conclusão é da edição de 2022 da pesquisa do Instituto Qualibest, que ouviu 1.115 pessoas de todo o país entre 18 e 27 de fevereiro. As informações são da coluna de Mônica Bergamo, da Folha de S. Paulo.

Esse é o terceiro ano consecutivo que a atriz é escolhida como a primeira opção dos entrevistados. Entre as cinco mulheres mais admiradas aparecem a cantora Anitta (segunda), a atriz Taís Araújo (terceira), a apresentadora Ana Maria Braga (quarta) e a ex-presidente Dilma Rousseff (quinta).

A pesquisa foi feita entre os dias 18 e 27 de fevereiro deste ano e ouviu 1.115 pessoas de todo o País.

No fim de 2021, a atriz foi eleita como nova ‘imortal’ da Academia Brasileira de Letras (ABL).

A ex-presidenta Dilma Rousseff (PT) aparece em quinto lugar e é a única política a entrar na lista das cinco mulheres mais admiradas. Em segundo lugar, apareceu a cantora Anitta; em terceiro, a atriz Taís Araújo; em quarto, a apresentadora Ana Maria Braga; e em sexto, a primeira-dama Michelle Bolsonaro.

Diversidade 

Fernanda Montenegro liderou pelo terceiro ano seguido o ranking do Instituto Qualibest, empresa de pesquisa digital. A atriz, de 92 anos, entrou em novembro do ano passado para a Academia Brasileira de Letras (ABL). 

Segundo o QualiBest, a pesquisa demonstra a diversidade de perfis entre as mulheres mais admiradas. “São perfis distintos em termos de profissões, estilos musicais, faixa etária e representatividade”, afirmou em nota a diretora geral do Instituto, Daniela Malouf.

Misoginia na política 

Em 2016, Dilma sofreu um procedimento de impeachment conduzido por um Congresso Nacional formado em sua maioria por homens conservadores. Vítima de fake news, ela foi alvo de uma campanha articulada por opositores que buscavam inferiorizá-la por ser mulher. 

“Tem sempre um componente de misoginia e de preconceito contra as mulheres nas ações que ocorreram contra mim”, disse a ex-presidenta Dilma Rousseff durante sessão de julgamento do impeachment no Senado, em 29 de agosto de 2016.

Mais informações no programa “Impacto Notícias”, a partir das 11Hrs. Acompanhe pelo link https://sputnikvozdopovo.com.br/sertafm e também pela SertaFM 101,5.

Gostou do nosso portal de notícias?

Então siga o canal do YouTubereceba notícias diariamente através do WhatsApp (CLIQUE AQUI). Para ler mais notícias do Noroeste Mineiro, clique em NOTÍCIAS Siga o jornalista Jeferson Sputnik no TwitterInstagram e Facebook.  Envie informações à redação do portal por e-mail: [email protected].

O conteúdo do Sputnik Voz do Povo é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.

#mulheres #o #mulher #moda #modafeminina #brasil #amor #beleza #a #mulheresempreendedoras #homens #mulheresempoderadas #fashion #love #lookdodia #estilo #look #autoestima #instagood #tendencia #saude #fitness #instagram #amorproprio #maquiagem #empoderamentofeminino #linda #makeup #riodejaneiro #bhfyp

Comentários

%d blogueiros gostam disto: